15 de janeiro de 2009

Perto de terminar o primeiro livro de 2009

Estou quase no fim da leitura de O Livro do Sal, de Monique Truong. A escrita de Monique é interessante, sedutora, convidativa. Ela envolve, atrai, como se fossémos uma mosca indo direto para a teia, para a armadilha.
Alguns fragmentos que desejo compartilhar com vocês, antes do grand finale:
Com certeza tivemos sorte em encontrar bons cozinheiros, embora eles tivessem suas fraquezas em outros aspectos. Gertrude Stein gostava de lembrar-lhe que, se não tivessem essas falhas, eles não estariam trabalhando para nós. -Alice B. Toklas-
Esta casa não é uma moradia, é um templo.
O pensamento cada vez mais forte com o aroma de cravo e canela no ar - transportando-me do passado, um país sem fronteiras no qual muitas vezes me vejo, e me devolve a Paris, à Rue de Fleurus, onde se abre uma porta, cujas dobradiças vermelho-ferrugem são o único ornamento. Uma mulher com cara de coruja aparece e coloca-se numa fresta de luz. Ela, penso, tem o rosto de um "Antepassado". Não que seu rosto seja enrugado ou sombrio. Os rostos dos antepassados, segundo Bão, meu companheiro de beliche a bordo do Niobe, carregam traços que permanecem imutáveis durante séculos. (p.36)
Quente e frio são muito fáceis de distinguir. Já o morno merece uma investigação científica, é um resultado que exige aferição e cálculo. Morno, para Gertrude Stein, é também uma dose deleitável de vingança. (p.193) A senhorita Toklas acredita que em cada refeição ela serve parte de si mesma, uma requintada metáfora a adornar cada prato. (p.193)
A linguagem é uma casa com grande número de portas, e quase nunca sou convidado e nem tenho as chaves. (p.194)

4 comentários:

Ruberto Palazo disse...

"Morno é uma dose deleitável de vingança", adorei isso..... único.

Sempre que lembro da França um livro me vem logo a cabeça, "A elegancia do ouriço", imperdivel....

Beijooo!

Ps... Ahh, vou entrar nesse desafio e colocar o selo no meu blog!

Nelida Capela disse...

Seja bem-vindo! Adorei A Elegância do Ouriço. Viu que no menu à direita tem link para o blog dela? Posso colocar o link para o seu blog na Confraria dos 50? Obrigada pela visita.

PROFESSOR CARLÃO disse...

Quero participar....por uma campanha parecida que lí num jornal em 1990 lí 52 livros. Foi uma experiência fantástica! Nunca mais consegui repetir. Gostei muito do seu blog...das suas palavras. Abraços!

Nelida Capela disse...

Obrigada e seja bem-vindo à Confraria dos 50, para o Desafio dos 50 Livros.