2 de maio de 2009

Exposição na Biblioteca Nacional

Vamos visitar?
Os Livros de Horas constituem parte importante do acervo da Biblioteca Nacional. Muitos deles procedem da Biblioteca Régia portuguesa e aqui chegaram à época da vinda de d. João VI para o Brasil. Os livros de Horas são verdadeiros tesouros da arte miniaturista medieval. Estes códices constituem instrumento de devoção pessoal, lindamente ornados e trabalhados com esmero por grandes artistas do baixo-medievo. O material iconográfico apresentado é rico em temas do cotidiano, das sensibilidades religiosas, da organização das temporalidades e das diferentes representações dos espaços cristãos.Compõem a mostra quatro exemplares do precioso acervo da divisão de Manuscritos. A exposição faz parte do Colóquio Ler, Escrever e Narrar na Idade Média, que acontecerá de 5 a 8 de maio no Campus do Gragoatá na Universidade Federal Fluminense (UFF - Niterói), integrando os eventos do Ano da França no Brasil. A exposição será inaugurada no dia 5 de maio às 11h, no foyer da Biblioteca Nacional, e contará com a presença de medievalistas brasileiros e franceses dentre eles André Vauchez, da Academie des Inscriptions et Belles Lettres/Paris X-Nanterre e Jean-Claude Schmitt, da École des Hautes Études en Sciences Sociales.
Período da exposição: 5 a 19 de maio, das 10h às 18h.
Projeção contínua do vídeo: Arte digital na Idade Média: miniaturas em movimento, de Otoni Mesquita.
Fonte: Fundação Biblioteca Nacional

2 comentários:

A DONA DO MUNDO disse...

nunca fui a nenhuma exposição que tratasse de literatura e afins, taí uma ideia sobre o que fazer
beijo

Nelida Capela disse...

Pois é, a Biblioteca Nacional realiza muitas exposições, às vezes as pessoas nem ficam sabendo. Nessa que divulguei, a riqueza está nas iluminuras, uma arte oriental.