17 de maio de 2009

Palavras Partilhadas indica seu 13º livro de 2009

O Desafio 50 Livros de 2009 não parou...a Confraria dos 50 mantém o ritmo e o fôlego. Associados, não esqueçam de compartilhar conosco suas leituras. Paula Silva, do blog Palavras Partilhadas, indica mais uma leitura: A Aldeia de Stlepántchikov e seus habitantes, de Dostoiévski. Texto de Paula Silva na íntegra: Serguei Aleksândrovitch é simultaneamente narrador e interveniente de uma história divertida e marcada por laivos de humor, em torno do seu tio viúvo Egor Iliitch Rosstaniov (coronel e proprietário de uma aldeia) e do criado de luxo da sua mãe, Fomá Fomitch, que lhe faz a vida negra, abusando da sua bondade. Fomá Fomitch, figura principal do romance, em redor da qual desenvolvem-se as maiores paixões e ódios, é um elemento manipulador, temperamental, vaidoso e egoísta. Vivendo no ócio, alega que as suas eruditas qualidades intelectuais orientarão a todos no caminho de uma vida melhor. Deparei-me com uma história imbuída de intrigas, amuos, gritarias, traições, escândalos e loucuras, que desenrola-se num ritmo alucinante e frenético surpreendendo-nos a cada página. Na Aldeia de Stepantchikovo convivem personagens cujas ambições mesquinhas, fragilidades, demências, fracassos e humilhações encontram abrigo nas relações de dependência e interesses que estabelecem entre si. É um mundo de incoerência e opressão, no qual Dostoiévski expõe a tragédia daqueles cuja dignidade e ambição pessoal são feridas profundamente. Apesar do texto assumir a forma de uma ligeira comédia rural, a sua essência é marcada por um fundo existencial e metafísico que sempre caracterizou as criações dostoievskianas.

Nenhum comentário: