28 de abril de 2009

51ª Edição do Prêmio Jabuti

Talvez muitos não lembrem do Prêmio Jabuti, eu conheci o Jabuti nos tempos de PUC-Rio, um dos pioneiros e tradicionais prêmios de literatura do Brasil. Há tempos eu não ouvia falar dele. Pensei até que não existisse mais. Para minha grata surpresa, recebi de Cristina De Luca, hoje, uma notícia sobre o Prêmio. Está na 51ª edição. A premiação total do Jabuti 2009 é de R$ 126 mil: o primeiro lugar de cada categoria recebe R$ 3 mil (exceto o vencedor da categoria especial Tradução Francês-Português, cujo prêmio é de R$ 6 mil). Os Livros do Ano de Ficção e Não-Ficção recebem R$ 30 mil cada um. Grandes autores da nossa literatura já foram agraciados com o Jabuti. Vocês sabem o que é isso? Um prêmio de cultura, de literatura especificamente, sobreviver ainda nos dias de hoje significa que muitos acreditam no poder da literatura, na esperança do escritor, na aventura do livro. Bárbaro.

Cristina De Luca indica o blog Pretenso Literato

Cristina De Luca, associada ao blog TMS - Tecnologia e Mobilização Social - e gestora do blog especializado em tecnologia CIRCUITO, me apresentou hoje o blog Pretenso Literato. O blog é bom, dá informações variadas e interesantes sobre o mundo da literatura e é bem simpático. Gostei da chamada inicial: "notícias mal escritas, contos interminados, romances sem personagens, poesias e crônicas renegadas, petardos ainda à espera do tempo que é escasso e da preciosa mas furtiva inspiração para serem enfim terminados - e quiçá publicados." Vale a pena a visita!

27 de abril de 2009

Prêmio OFF FLIP 2009

Eu não sabia que existia - perdoem a minha ignorância - o Prêmio OFF Flip 2009. Parece que estamos crescendo de novo em termos de incentivo à criação e à renovação de autores. Quem se candidata?

26 de abril de 2009

Christian Jacq

Autor da série Ramsés, A Pedra da Luz, entre outras, Christian Jacq agora tem lançada no Brasil a série Mozart. Para maiores detalhes, recomendo o site da editora Bertrand Brasil - eles poderiam ter feito um hotsite para divulgar a série, seria interessante. Recomendo esta leitura, pois eu mesma fiquei com vontade de ler, o autor vai juntar Mozart, maçonaria e Egito. Um novo desafio para 2009! Em tempo, a editora Bertrand Brasil lançou a série Ramsés também em pocket - de boa qualidade, posso garantir, e num preço ótimo: R$19,90.

25 de abril de 2009

Livros (1)

Árvore da Sabedoria, do designer espanhol Jordi Milà.
Fonte: blog Bem Legaus!

Lygia Fagundes Telles e Beatriz Milhazes

Assim que ingressei na PUC-Rio, na faculdade de Letras, a primeira escritora que conheci foi Lygia Fagundes Telles, que visitava a universidade para falar do livro recém lançado à época - A Estrutura da Bolha de Sabão. Quem me apresentou a ela foi meu querido professor, orientador e amigo Gilberto Mendonça Teles. Confesso que me apaixonei pela obra de Lygia e devorei todos os seus livros - me ensinaram muito sobre a natureza do ser humano. Lygia consegue em sua obra descrever os mistérios mais íntimos de nós. Lygia foi publicada pela Jose Olympio, depois pela Nova Fronteira, foi para a Rocco e agora chega à Companhia das Letras. E foi recebida de forma muito especial, com tratamento VIP eu diria, com as capas de seus livros feitas por Beatriz Milhazes. Fotografei as belas peças de arte que chegaram à vitrine, ornando a Comissão de Frente da Livraria Timbre. Convido a todos a passarem lá e conferirem in loco. Parabéns para Lygia e parabéns para a Companhia das Letras por mais este trabalho de qualidade.

23 de abril de 2009

Autores Brasileiros para Ana Filipa (1)

Prometi fazer para Ana Filipa uma lista de autores brasileiros. Fora aqueles dos quais Lector in Fabula já falou em posts anteriores, recomendamos, para começar :
Adélia Prado - Solte os Cachorros - Editora Record
Alberto Renault - Moko no Brasil - Editora Aeroplano
Clarice Lispector - Felicidade Clandestina - Editora Rocco
Lygia Fagundes Telles - A Estrutura da Bolha de Sabão - Editora Rocco
Myriam Campello - São Sebastião Blues - Editora Brasiliense
Nélida Piñon - Vozes do Deserto - Editora Record
Rachel de Queiroz - Memorial de Maria Moura - Editora José Olympio

Pousou diante de mim: Os Pássaros do Amor e da Sorte

Vocês sabem que isso acontece de vez em quando. Aconteceu de novo. Ele veio sorrateiro. Estava em cima da mesa, na casa da minha amiga Rosana Sanchez, gerente da Livraria Timbre. Dei uma olhada. Pisquei para a contracapa. Toquei nas "orelhas". Abri uma página. Li um pouquinho...me fisgou! Clique na imagem e entre no hotsite que a Editora Nova Fronteira criou para divulgar o livro. Gente, vale a pena a leitura. Além das imagens dos pássaros, a narrativa também é uma delicadeza.

22 de abril de 2009

Pensamentos "y otras cositas" indica A Arte de Correr na Chuva

Li o livro ano passado e há pouco, quando pensava no nome do protagonista, que percebi que não o comentei!A arte de correr na chuva foi presente de Natal da D. Idete, mãe da Vanessa, que é também um pouco minha mãe.Bom, como os outros livros que gosto, esse foi lido rapidinho, em dois dias. Comecei a leitura meio... reticente, eu diria, porque livro com cachorro, em tempos de Marley e eu me parecia uma idéia meio "roubada". Mas lá fui eu ler A arte de correr na chuva.Ao ver referências a Ayrton Senna logo no começo do livro, quase desanimei de novo. Explico: devo fazer parte do 1% da população mundial que não era fã do Senna, não via corrida de Fórmula 1 e não achava grande coisa ele ganhar corridas. No entanto, admiro sua irmã e o trabalho dela à frente do Instituto Ayrton Senna. E as referências ao piloto logo são explicadas quando a história realmente começa.Enzo é o narrador da história. É uma cão mestiço, tem alguma coisa de labrador, alguma coisa de terrier, e é escolhido por Danny - um piloto de corridas, fã de Ayrton Senna - para ser seu companheiro. Enzo é um cão diferente porque adora assistir programas do canal da National Geographic, filosofa um pouco, usando frases ouvidas de Danny ou vistas na tevê e adora assistir corridas, as disputadas pelo dono e as de Ayrton Senna, que ele considera o melhor piloto que já existiu. Danny logo se casa com Eve, têm uma filhinha... e é essa história da vida de sua família que Enzo conta, quando está no final de sua vida - e isso não é spoiler, a gente sabe que ele está doente já no primeiro capítulo.A história é terna. Pouca coisa lembra Marley e eu afinal. Em muitos momentos me emocionei: na doença de Eve e na sua vontade de viver, no amor de Danny pela esposa, pela filha e pelo seu cachorro, na adoração de Enzo pelo dono...Livro gostosinho de ler. Talvez esquecível. Mas daqueles que, quando chegamos ao fim, fechamos com o coração mais leve.
Título original: The art of racing in the rain
Autor: Garth Stein
Editora: Ediouro - Prestígio2008
(Texto de Sheila na íntegra)

Prêmio Pulitzer 2009

O Prémio Pulitzer é um prêmio norte-americano, concedido a obras nas área do jornalismo, literatura e música. É administrado pela Columbia University, que fica em Nova Iorque. Foi criado em 1917 por desejo de Joseph Pulitzer, e é anunciado sempre em abril. Os prêmios são anuais e divididos em 21 categorias. Em vinte delas, os ganhadores recebem um prêmio de dez mil dólares em dinheiro e um certificado. O vencedor na categoria Serviço Publico de Jornalismo ganha uma medalha de ouro; o prêmio de Serviço Público é sempre dado a umjornal, não a um indivíduo, mesmo que um indivíduo seja citado. Apenas matérias e fotografias publicadas por jornais nos Estados Unidos são eligíveis pelo prêmio de jornalismo. As categorias do Prêmio Pulitzer são: Serviço Público, Furo de reportagem, Reportagem investigativa, Reportagem explicativa, Reportagem de denúncia, Reportagem nacional, Reportagem internacional, Reportagem especial, Comentário, Crítica, Editorial, Projeto editorial, Furo de reportagem fotográfica, Fotografia, Ficção, Drama, História, Poesia, Ensaio, Música e Homenagens. Clique na imagem ao lado e conheça os vencedores de 2009.

Cadernos de Infância de Norah Lange

Cadernos de Infância trata-se de um pequeno livro de memórias cheio de intensidade da escritora Norah Lange. Lançado no Brasil recentemente pela Editora Record, ainda não foi mencionado nos jornais. Acredito ser uma boa leitura, tanto que está em minha lista. Para enriquecer a leitura, descobri uma pequena livraria argentina chamada Tejados Verdes, cujo blog apresenta um post sobre a autora. Recomendo a visita e a leitura do post Tipeo con una sola mano...Antes que mueran, Obras Completas de Norah Lange.

21 de abril de 2009

Ela já está no ar: a Biblioteca Mundial Digital

A partir de hoje poderemos consultar a Biblioteca Mundial Digital, iniciativa da Unesco com a parceria de 32 instituições do mundo todo. Leia mais sobre o lançamento desse grande acervo coletivo no site da BBC. Visite a Biblioteca Mundial Digital e confira a contribuição do Brasil e outros países.

20 de abril de 2009

Dia do Leitor

Infelizmente, o Dia do Leitor passou. Foi em 7 de Janeiro. Mas, todo o dia é dia de leitor! Faço este post para expressar minha gratidão aos leitores que acompanham o Lector in Fabula, o Olhar Nômade e o TMS - Tecnologia e Mobilização Social. Agradeço também as leitores que vão além, que visitam e navegam nas páginas dos blogs e sites que recomendamos. E last but not least, agradeço aos leitores que confiam em nosso gosto e buscam as leituras recomendadas. Aproveito para agradecer a companhia dos bloggers que fazem parte da Confraria dos 50 e que procuram, na medida do seu possível, compartilhar conosco suas sugestões de leituras. Nem sempre tenho tempo de visitar os amigos bloggers. Acabo fazendo uma visita de médico. Mas tento sempre bater na porta de todos - toc, toc - e dar um olá!

Buenos Aires presta homenagem a Julio Cortázar e monta 120 "Jogos da Amarelinha"

Sergio Casoetto, do blog Vida Portenha, publicou post sobre a homenagem prestada a Julio Cortázar pela cidade de Buenos Aires (Querida Cidade !). O post chama-se Homenagem a Julio Cortázar e recomendo a leitura, pois as informações são bárbaras. Por exemplo, foram montadas 120 jogos de amarelinha pela artista plástica Marta Minujín em plena 9 de Julio. Confiram!

Manuel Bandeira em Pasárgada

Vou-me embora pra Pasárgada/ Lá sou amigo do rei/ Lá tenho a mulher que eu quero/ Na cama que escolherei/ Vou-me embora pra Pasárgada/ Vou-me embora pra Pasárgada/ Aqui eu não sou feliz/ Lá a existência é uma aventura/ De tal modo inconsequente/ Que Joana a Louca da Espanha/ Rainha e falsa semente/ Vem ser contraparente/ Da nora que nunca tive/ E como farei ginástica/ Andarei de bicicleta/ Montarei em burro brabo/ Subirei no pau-de-sebo/ Tomarei banhos de mar!/ E quando estiver cansado/ Deito na beira do rio/ Mando chamar mãe-d'água./ Pra me contar as histórias/ Que no tempo de eu menino/ Rosa vinha me contar/ Vou-me embora pra Pasárgada/ Em Pasárgada tem tudo/ É outra civilização/ Tem um processo seguro/ De impedir a concepção/ Tem telefone automático/ Tem alcalóide à vontade/ Tem prostitutas bonitas/ Para a gente namorar/ E quando eu estiver mais triste/ Mas triste de não ter jeito/ Quando de noite me der/ Vontade de me matar/ - Lá sou amigo do rei -/ Terei a mulher que eu quero/ Na cama que escolherei/ Vou-me embora pra Pasárgada. Lector in Fabula aproveita a homenagem da Flip 2009 a Manuel Bandeira e traz um dos seus poemas mais conhecidos.

17 de abril de 2009

Muitas Novidades na Livraria Timbre

Uma semana longe da Livraria Timbre e quando chego...um montão de novidades. Ufa! Vou ter que correr com as leituras. Tem até o Catálogo Raisonné da Tarsila do Amaral. Um luxo!

16 de abril de 2009

Leitores Unidos

Leitores de Madame Bovary se unem e fazem, de forma coletiva, transcrição das páginas do romance. Yvan Leclerc, da Universidade de Rouen, foi o responsável pela mobilização de leitores que, num trabalho de dois anos, disponibilizou as páginas originais do romance. Cerca de 600 pessoas participaram do projeto. Para aqueles que conhecem o idioma francês, sugiro uma visita ao site do projeto para conhecer os detalhes e verificar o material. O endereço do site é http://www.bovary.fr/
Para Lector in Fabula, o interessante é a mobilização de leitores em torno de uma obra. Imagina se nos mobilizarmos para restaurar manuscritos e outras obras raras. Quem sabe um conjunto de ações para montar bibliotecas, acervos ? Mobilização para incentivar a leitura ? Tudo bem, precisamos de conhecimento técnico, mas o que esse professor francês fez não foi justamente compartilhar o saber técnico e específico? O papel do leitor é fundamental para a literatura e o mundo envolvido nela: livraria, livreiros, mercado editorial, cursos, autores, por exemplo. O que vocês acham?

Clássicos da Timbre (1)

15 de abril de 2009

Filmes de Marguerite Duras

Li Marguerite Duras quando era aluna de Rosiska Darcy de Oliveira, na PUC-Rio. O Amante e O Deslumbramento, entre outros títulos. Particularmente, o meu livro preferido foi O Deslumbramento, cujo título original é Le Ravissement de Lol V. Stein .
Recebo da Revista Veja a programação cultural das cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília. No Rio de Janeiro, teremos a oportunidade de assistir os filmes que Duras escreveu. Confira a programação da Caixa Cultural e não perca!

13 de abril de 2009

Prateleira de Livros

Prateleira de Richard Jennions
Fonte: InHabitat.com

Entrevista de Haruki Murakami

Adoro Haruki Murakami, já escrevi sobre alguns livros dele aqui no Lector in Fabula. É uma literatura de terremoto, nada fica no lugar, tudo vai de ponta-à-cabeça; são histórias recheadas de acontecimentos fantásticos. Sempre o recomendo quando alguém me pergunta sobre Literatura Japonesa. Achei no PublishNews um link para uma entrevista dele para o La Nácion. Desculpem, mas está em espanhol. Leia aqui.
“Eu era uma pessoa normal que de um dia para o outro começou a escrever.Um leitor apaixonado que começou a contar histórias.”
Haruki Murakami

12 de abril de 2009

Biblioteca da Unesco reunirá grande acervo mundial

(Foto de Maria Helena Vieira da Silva - Biblioteca - 1949)
Unesco lança Biblioteca Digital Mundial no dia 21
A Biblioteca Digital Mundial, um site que oferecerá gratuitamente um acervo excepcional de livros, manuscritos e documentos sonoros procedentes de bibliotecas e arquivos do mundo todo, será lançada no próximo dia 21/4, na sede da Unesco, em Paris.O site da Biblioteca Digital Mundial funcionará em sete idiomas (árabe, chinês espanhol, francês, inglês, português e russo). O projeto, no qual participam a Unesco e outras 32 instituições associadas, foi desenvolvido por uma equipe da Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos e participam nele instituições da Arábia Saudita, Brasil, Egito, China, Estados Unidos, Rússia, França, Iraque, Israel, Japão, Grã-Bretanha, México e África do Sul, entre outros países.
Fonte: France Presse - G1

Carolina Pinho indica...Leite Derramado

O novo romance de Chico Buarque é uma leitura rápida e fácil. Não há nada de inovador na forma com que Chico conta a história de Eulalio e sua família ao longo do último século. Não ser inovador não quer dizer que o livro não seja bom, pelo contrário, o texto moldado pela memoria do personagem é muito bem desenvolvido. Dos romances de Chico esse é o que tem o melhor ritmo, li com rapidez sem sentir os capítulos passando. Sempre uma boa característica. O livro é um monólogo de Eulalio, um homem de mais de cem anos que está no hospital. A construção do texto respeita as características do personagem, ele lembra com mais detalhes o passado mais distante e confunde o mais recente, conta algumas passagens várias vezes, volta a alguns temas com frequência, cabe ao leitor montar essa história que é pontuada por momento históricos brasileiros. Qualquer pessoa que leu "Estorvo" sabe que é um sacrifício, já "Leite Derramado" é um prazer. O Chico escritor ainda está muito longe do Chico compositor e letrista, mas nesse romance ele mostra que está evoluindo.
(Texto de Carolina Pinho na íntegra)

8 de abril de 2009

Lector in Fabula deseja um feriado cheio de boas leituras para todos !

Queridos leitores, vamos aproveitar o feriado, pois ninnguém é de ferro! Muitas leituras, descanso, idéias...Lector in Fabula vai tirar uns dias de folga, na esperança de "dar um gás" nas leituras atrasadas e trazer novos livros para compartilhar com vocês. A todos os leitores e leitoras, uma Boa Páscoa !

Zandali, do Clube da Luluzinha, indica seu 8º livro de 2009

Como cheguei ao pijama listrado: li em muitos blogs, textos e comentários sempre muito instigantes mas que pouco diziam sobre o livro! Só descobri que virou filme e tinha a ver com o nazismo! Um dia fui tomar um café na livraria e lá estava um livro de capa listrada... papel grosso, imitanto um tecido rústico. Então, nova surpresa:"Normalmente, o texto de orelha traz alguma dica sobre o livro, alguma informação, mas nesse caso acreditamos que isso poderia prejudicar sua leitura, e talvez seja melhor realizá-la sem que você saiba nada sobre a trama. Caso você comece a lê-lo, embarcará em uma jornada ao lado de um garoto de nove anos (embora este livro não seja recomendado a garotos de nove anos). E cedo ou tarde chegará com Bruno a uma cerca. Cercas como essa existem no mundo todo. Esperamos que você nunca se depare com uma delas." (texto orelha do livro)Só descobri do que se tratava ao lê-lo... uma história simples, singela... com um final previsível mas, espantoso... No mais, irei compactuar com o segredo!“E quem decidiria quem usava os pijamas e quem usava os uniformes?” (p. 91) (Texto de Zandali na íntegra)

6 de abril de 2009

Lector in Fabula sugere a leitura de O Tigre Branco

Índia da Luz e Índia da Escuridão. Se você está cansado de ler a Índia iluminada e deseja conhecer a verdadeira Índia, preescrevo O Tigre Branco. Na verdade, os escritores indianos traduzidos recentemente já apontavam para essa Índia desconhecida, como por exemplo, Cabine para Mulheres, um dos primeiros romances de autoria indiana a chegar ao Brasil, também editado pela Nova Fronteira. Demorei para ler O Tigre, pois estava desconfiada. E de quê? Na capa do livro vem a seguinte informação: "Romance Vencedor do The Man Booker Prize 2008"...alguém conhece? Na minha Santa Ignorância, eu nunca tinha ouvido falar. Mas ele existe. Elucidado o mistério fui adiante. Não me arrependi. O romance de Aravind Adiga tem uma narrativa interessante, direta e intensa. Nada de ashrams, mas um pouco de meditação...meditação sobre os novos tempos, sobre as crises financeiras e de identidade. Páginas que falam da política, do comportamento, da economia, da corrupção e da honestidade de um país (des)conhecido. Não deixem de ler.
Pequeno trecho do livro:
"Eu e milhares de outros indivíduos neste país somos meio crus, porque nunca temos a possibilidade de completar nossos estudos. Abra a nossa cabeça, examine o seu interior à luz de uma lanterna, e vai encontrar um estranho museu de idéias: frases de história ou de matemática, decoradas de livros escolares (posso lhe garantir que ninguém se lembra tão bem da sua escolaridade como as pessoas que tiveram que sair da escola) (...)". (p.15)

5 de abril de 2009

Vida de Livreiro (1)

Texto de Rosana Sanchez sobre participação em evento oferecido pela Editora Objetiva
Depois de muitos convites para participar dos cafés-da-manhã oferecidos pela Editora Objetiva, finalmente, compareci a um deles. Foi na última quinta-feira, 2 de abril, no Unibanco Arteplex, no Rio de Janeiro, para a apresentação do filme Divã, baseado no romance de Martha Medeiros. Neste encontro, além do filme, foram apresentados os lançamentos da editora para o mês de Abril - novidades que chegarão às livrarias e reimpressões há algum tempo aguardadas. A proximidade com os parceiros do mercado editorial, para mim, como gerente da Livraria Timbre, é essencial para troca de informações e experiências, o que enriquece nossa rotina de trabalho. Espero poder comparecer aos próximos encontros, mantendo-me assim atualizada sobre os lançamentos, o que resulta num atendimento de qualidade, por exemplo.
Nota de Lector in Fabula
Vida de livreiro não é mole não. Precisa estar sempre antenado com os lançamentos das editoras (que são muitos), títulos e autores, acompanhar tendências de mercado, saber ouvir os clientes, respeitar seus gostos, conhecer o acervo da livraria e seu estoque. Precisa ler um ou outro título entre os lançamentos e os mais lidos. Tudo para oferecer um serviço de excelência. Esse é o livreiro comprometido, aquele que nos cativa.

Keitai Shosetsu chega ao Brasil

Lector in Fabula publicou aqui, anteriormente, posts sobre o keitai shosetsu (romances de celular). Publicamos em 2008 as informações referentes ao final de 2007. Agora, chega ao Brasil a literatura via SMS. Leia a matéria de Luís Antônio Giron e Mariana Queiroz para a revista Época de 12/3/2009, reproduzida no site Brasil que Lê.

3 de abril de 2009

Lector in Fabula: Livro para Gente Pequena (1)

Em A casa dos beijinhos, também de Claudia Bielinsky, o cachorrinho Neném abre portas e armários à procura de bitocas em cada canto da sua casa. Neste segundo volume da série, as crianças o acompanham durante um dia na escola. Na cantina, na biblioteca, em cima da árvore, no banheiro, na sala de aula... Neném insiste em se esconder, mas todos os bons lugares já foram ocupados por bichos espertalhões. Para ajudar Neném a encontrar um esconderijo para chamar de seu, as crianças levantam abas, em ilustrações manipuláveis e cheias de cor. A epopéia de Neném é narrada em versos rimados; ao escutá-los e acompanhá-los por meio dos desenhos, as crianças de um a quatro anos são estimuladas a conhecer os lugares e bichos da escola de Neném, participando ativamente do processo de leitura. Em papel cartonado bastante rígido e formato grande (37 cm de altura), esta é uma ótima opção de livro-presente para os pequenos grandes leitores.
(Texto da editora)

Leite Derramado (1)

Está vendendo à beça nas livrarias. Em breve, no Lector in Fabula, comentário de Carolina Pinho sobre o novo livro de Chico Buarque. Aguardem!