30 de junho de 2012

Lançamentos para a FLIP 2012 (2)


Não resisti, trouxe a Dulce Maria Cardoso e Os meus sentimentos, editado pela Tinta da China, recente no Brasil. Sentei no Sanduka e pedi um sorvete de  figo com nozes para acompanhar o início da leitura. Tudo rosa, apesar dos sentimentos da personagem. Uma cliente da livraria deu a dica de também ler Campo de Sangue, que foi editado pela Companhia das Letras em 2005. Vou buscar o livro também, parece ser muito interessante: 4 mulheres, numa delegacia, unidas por um mesmo homem. Deve ser bem interessante. Espero encontrar Dulce Maria em Paraty e quem sabe trazer o livro autografado :o)

Do site da Companhia das Letras sobre Campo de Sangue:
Quatro mulheres que não se conhecem esperam juntas numa sala. Vão prestar depoimento sobre um homem acusado de assassinato. A ex-mulher o sustentava e comportava-se como sua amante. Para a mãe, ele era um filho estranho. A moça bonita leva no ventre um filho dele, que ela nunca quis ter. E a senhoria acredita ter visto tudo e conta com a presença da televisão para salvá-la da ruína. As diferentes realidades vividas por essas mulheres nunca se encontram - a não ser no homem, um desocupado, que procurava maneiras de gastar o tempo.  Campo de Sangue suga o leitor para essas espirais de realidades; para lugares indefinidos (o bairro, a pensão, a praia, a casa longe de tudo e perto do mar); para relações movidas por necessidades mas vazias de sentimento. A prosa de Dulce Maria Cardoso nos faz compartilhar a loucura desencadeada pela beleza e pela 


Nenhum comentário: